Memorial da Cabanagem

Erguido no Complexo Viário do Entroncamento, área margeada pelas vias de acesso à cidade de Belém, o Memorial da Cabanagem foi inaugurado no dia 7 de janeiro de 1985, em homenagem aos 150 anos do movimento, e representa a única obra edificada do arquiteto Oscar Niemyer na Região Norte. Seu complexo paisagístico é constituído por dois elementos principais: a rampa que se projeta livre, desafiando a gravidade no espaço vazio e o memorial que deveria abrigar os restos mortais dos líderes cabanos, no qual são realizadas exposições dedicadas à Revolução Cabana, além de um pequeno jardim com lâmina de água, gramados, vias de acesso e uma unidade de apoio.

Construído em homenagem ao Movimento Cabano, levante popular ocorrido em Belém no período de 1835 a 1840, o Memorial, em seu conjunto, representa o marco simbólico da história do povo paraense. A visita ao monumento, além de ser uma oportunidade de conhecer um capítulo singular na história do Pará, é um convite a adentrar-se nos espaços arrojados e imprevisíveis da estética monumental do concreto armado de Oscar Niemyer, maior representante da arquitetura moderna brasileira.

Endereço:
Entroncamento, Castanheira, 66645-003